;

domingo, 29 de setembro de 2013

Avatar: Tribo da Água

A última nação que falta. A Tribo da Água!



História:
Pouco depois da Tribo da Água do Norte ser criada um grupo de dobradores se deslocou em busca de novas terras, e se estabeleceu em um novo lugar, onde criaram a Tribo da Água do Sul.
A Tribo do Sul foi a primeira a ser atacada pela Nação do Fogo em sua campanha, logo após o extermínio dos Nômades do Ar. Como consequência a Tribo do Sul entrou em colapso. Todos os guerreiros foram para a guerra e nunca mais voltaram, perderam conexão com a Tribo do Norte e se reduziram a uma simples vila.
Porém a Tribo do Norte conseguiu resistir as invasões, graças a sua localização difícil, dentro de paredões de gelo. Prosperou muito, e se tornou até diferente, com mais construções e vegetação.


Localização:
A Tribo da Água é dividida. Existe a Tribo da Água do Sul, que fica no Pólo Sul, e a Tribo da Água do Norte, que fica no Pólo Norte. Ambas as tribos são arquipélagos gelados, próximo a uma porção de terra maior que se torna a capital.


Política:
Em ambas as tribos quem governa é um chefe tribal. Ele geralmente é o guerreiro mais forte da aldeia, o líder das caçadas. Na Tribo do Norte existe um tipo de palácio ao líder.



Cultura:
A cultura de ambas as tribos se parece muito com a dos esquimós. Eles veneram muito o mundo dos espíritos, através dos xamãs, que são uma espécie de líderes religiosos. Na Tribo da Água do Norte existem dois peixes que são venerados por serem espíritos do Mar e da Lua, no Yin e Yang.


Arquitetura:
A Tribo do Norte usa principalmente madeira e gelo para montar suas casas, mas também há construções de alvenaria. Já a tribo do Sul monta iglus e cabanas feitas com pele de animais.



Força militar:
As duas tribos usam forças militares similares, com infantaria usando lanças e escudos, feitos com ossos e madeira, porém a da Tribo do Norte é maior. É comum usarem máscaras e roupas relacionados a espíritos animais



Também possuem uma força naval. Barcos feitos de madeira e com velas na Tribo do Sul e na Tribo do Norte de madeira mais resistente e pintada, personalizando com cores da tribo.



Tecnologia:
A tecnologia da Tribo do Norte é muito mais desenvolvida, como quase tudo em relação a Tribo do Sul.


Até a próxima postagem!

segunda-feira, 23 de setembro de 2013

"Vilões" da vida real viram vilões dos quadrinhos

Eu estava vendo alguns trabalhos artísticos do designer de Curitiba, Butcher Billy, e achei um que quis colocar aqui. Gosto de como o artista pega personagens da vida real e os transforma em personagens de quadrinhos.
E foi o que ele fez com os grandes "vilões" da vida real: transformou em vilões de histórias em quadrinhos.

Veja alguns:

O líder nazista Adolf Hitler foi, com certeza, um dos grandes vilões da humanidade. Ele não só gerou uma guerra que atingiu todo o mundo, mas também perseguiu pessoas inocentes em nome de seu ideal racista.
Ele foi transformado no vilão Galactus, o super-vilão do Quarteto Fantástico.


Não sei se podemos considerar Mark Zuckerberg como um vilão. Talvez se você pensar que o criador do Facebook esteja destruindo as relações sociais físicas, substituindo por simples mensagens eletrônicas, e o curtir e compartilhas imagens.
Ele foi transformado em Loki, o deus nórdico irmão e vilão de Thor.


O ditador da Líbia Muammar al-Gadaffi estava há muito tempo no poder, mas só recentemente teve destaque, após os protestos e rebeliões, que viraram uma guerra civil, contra sua ditadura.
Ele foi transformado no Bizarro, vilão do Superman.


Osama Bin Laden comandava a organização Al-Qaeda, responsável por diversos ataques terroristas no mundo inteiro, principalmente nos Estados Unidos, entre eles o famoso Atentado de 11 de Setembro de 2011, em que terroristas jogaram aviões sequestrados com passageiros em dois prédios comerciais lotados, que desabaram.
Ele foi transformado no Duende Verde. Achei genial a comparação, afinal, Duende Verde tinha suas bombas e tal...


O psicopata estadunidense Charles Manson liderava um grupo de seguidores chamado Família Manson, e juntos realizaram a famosa chacina "Tate-LaBianca", que matou a esposa grávida do diretor de cinema Roman Polanski, e mais alguns amigos do casal. Manson foi condenado a prisão perpétua e cumpre punição até hoje.
Ele foi transformado no Coringa, um louco assassino como ele.


Josef Stalin governou a União Soviética durante a Segunda Guerra Mundial. Ele era visto por algumas pessoas como um tirano, apesar de trazer grandes avanços ao país e transformar o que vemos hoje como Rússia em uma superpotência mundial.
Foi transformado em Kraven, o Caçador


O ex-presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, foi odiado por muitas pessoas, principalmente por ter a cara-de-pau de anunciar uma guerra contra o Iraque, por alegar ter posse de armas nucleares, quando na verdade todos sabiam que ele estava de olho no petróleo do país. Chegaram a matar o ditador iraquiano, Saddam Hussein, mas nada de acharem as armas.
Foi transformado no bandido Duas-Caras, vilão do Batman.


Mao Tsé-Tung liderou uma revolução na China que deu origem a república, e se tornou o primeiro presidente chinês. Seu governo durou mais de 30 anos, e foi marcado por perseguições, em que o próprio Mao mandava caçar opositores, depois torturá-los e executá-los.
Foi transformado em Darkseid.


Mark Chapman foi o sujeito que, em 8 de dezembro de 1980, assassinou o ex-Beatle John Lennon. Atualmente está preso.
Foi transformado no Dr. Octopus.


Eu virei fã desse artista, logo mais posto outros trabalhos dele!

Até a próxima postagem!

domingo, 22 de setembro de 2013

Lista de jutsus de Naruto - Parte 21: Ninjutsus (IV)

Nesta postagem vai haver uma mistura. Como eu reuni poucos Ninjutsus da Vila da Nuvem, resolvi juntá-los com os Ninjutsus da Vila da Pedra e da Vila da Névoa. Vamos dizer que os personagens destas vilas são bem patriotas, pois usam na maioria jutsus elementares de suas vilas (Raio, Terra e Água).

Mas aí está a lista:

Takoashi Bunshin
Jutsu que cria um clone do jinchuuriki a partir de um dos tentáculos de Gyuuki (Hachibi).
Usuário: Killer Bee 




Jigokuzuki
É uma técnica especial do Terceiro Raikage. Ele canaliza seu chakra para sua mão, que se torna sua arma. Dependendo do número de dedos que ele manter estendidos é a força do ataque. Por exemplo, quatro dedos é o menos forte e um dedo é o supremo.
Usuário: Terceiro Raikage



Tensou no Jutsu
Jutsu especial que permite a Mabui teletransportar objetos de um lugar para outro. Pode ser feito com pessoas, porém é bem arriscado para quem é teletransportado, pois partes suas podem ficar no caminho ou se reconstruírem de forma errada.
Usuário: Mabui



Nezumi Kedama
Yugito, sob forma de bijuu, cospe um rato de fogo, que pode se dividir em mais ratos, criando assim um grande incêndio ao se espalharem.
Usuário: Yugito Nii



Hachimitsu no Jutsu
Este jutsu cria várias abelhas, que quando são destruídas liberam um mel pegajoso.
Usuários: Suzumebachi, Kurobachi, Jibachi


Hachi Bakudan no Jutsu
Jutsu que cria abelhas carregando selos explosivos.
Usuários: Suzumebachi, Jibachi



Hachi Senbon no Jutsu
Após invocar abelhas, este jutsu faz com que as disparem seus ferrões contra o adversário.
Usuários: Suzumebachi, Kurobachi



Hiramekarei Kaihou
Jutsu usado com a espada Hiramekarei. O usuário canaliza seu chakra através dela para criar formas de lâmina, como por exemplo aumentar o tamanho da espada ou criar um machado de chakra.
Usuário: Choujuuro



Sangosho
Em sua forma de bijuu, Yagura desfere um golpe no usuário. Logo depois, vários corais começam a crescer a partir do ponto do golpe. Esses corais cobrem o inimigo completamente e o impedem de se mover.
Usuário: Yagura




Até a próxima postagem!

quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Dois novos personagens criados por Eiichiro Oda!

Estava pesquisando alguns consoles novos de video-game, porque estou afim de comprar um novo. Eu estava buscando por jogos de One Piece, pra ver qual console oferecia mais. 

E achei um jogo de Nintendo 3DS, chamado "One Piece Unlimited World Red". Pesquisei um pouco sobre ele e descobri que recentemente, na revista da Shonen Jump, Eiichiro Oda lançou dois novos personagens criados por ele para o jogo. 




São eles Red e Pato.
Red é o principal chefe do jogo. E Pato é um guaxinim com capa rosa (me lembrou muito o Chopper!).



Aqui está a página da revista com os personagens:



Gostei muito do visual desse tal de Red, ele parece ser um personagem bem forte. Quem sabe ele não aparece no anime, ou mangá, como foi o caso do Z, que saiu de um filme!

Até a próxima postagem!

domingo, 15 de setembro de 2013

Lista de personagens de One Piece - Parte 1

Eu estou fazendo uma pesquisa ali no topo esquerdo do blog, perguntando o que vocês gostariam de ver por aqui. Com 1 dia de pesquisa o item "Listas de personagens" saiu disparado na frente. Então vou aproveitar e postar mais listas de personagens.

Uma vez eu comecei uma de One Piece, porém ficou muito mal-organizada e eu acabei deixando-a de lado. Mas agora eu vou recomeçar, criando um novo tipo de organização. Espero que agora eu chegue até o final!


_ _ _ _ _

Primeiro, os Piratas do Chapéu de Palha:

Monkey D. Luffy
Protagonista da história. Luffy sempre teve o sonho de se tornar o Rei dos Piratas, não só pelo título, mas pela liberdade de navegar. Quando criança Luffy ficou muito apegado a Shanks, que se tornou sua inspiração. E sem querer Luffy comeu a Gomu Gomu no Mi, a fruta da borracha, que lhe permite esticar qualquer parte do seu corpo.
Quando cresce, Luffy resolve começar sua jornada pelos mares, em busca do One Piece, o maior tesouro do mundo, para se tornar o Rei dos Piratas. Com o tempo ele vai juntando mais amigos para sua tripulação, e vai desenvolvendo mais poderes.
Luffy possui um raciocínio lento, retardado na verdade. Quando coloca algo em sua cabeça, ninguém consegue fazê-lo mudar de ideia. É muito corajoso e faz de tudo para proteger seus amigos, além de odiar aqueles que só pensam em si mesmos e que são cruéis com os outros. Quando vê alguém que mostre alguma característica única, por mais besta que seja, logo o convida para se juntar a ele.
Durante a série ele fez amizade com ilhas inteiras, reinos e grupos. Ajudou o futuro marinheiro Coby, reencontrou seu irmão de consideração Ace, seu avô Garp, além de descobrir que seu pai é Dragon, o homem mais procurado do mundo. Seu jeito único e determinado cativou muitos homens grandes e famosos, como Barba Branca. O lendário pirata Rayleigh tornou-se seu treinador, lhe ensinando os três tipos de Haki, durante o TimeSkip.



Roronoa Zoro
Segundo a se juntar a Luffy. Antes disso era um caçador de piratas. Zoro é um homem sério, que inspira arrogância, mas na verdade é gentil e bondoso. Ele luta usando três espadas ao mesmo tempo (uma na boca e duas nas mãos), em um estilo chamado Santoryuu. Seu sonho é se tornar o maior espadachim do mundo, como promessa que fez a sua amiga de infância Kuina, que já morreu.
Zoro possui uma forte amizade com Luffy, e disse estar disposto a morrer para que ele realize seu sonho. Isso foi demonstrado quando Zoro quase morreu para salvar Luffy de Kuma. Frequentemente Zoro entra em conflito com Sanji, para decidirem quem é o mais forte.
Quando Zoro não está lutando, é certo que está bebendo saquê, dormindo ou treinando. Possui o pior senso de direção do bando, e está sempre sozinho ao se perder no caminho mais fácil possível. Durante o TimeSkip, Zoro treinou com seu rival, o atual melhor espadachim do mundo, Mihawk.



Nami
Terceira a se juntar a Luffy. Nami era uma ladra famosa, mas sua real intenção ao roubar era juntar dinheiro para comprar a liberdade da sua vila-natal, Cocoyashi, dominada pelo homem-peixe Arlong. Nami era uma órfã que foi adotada pela marinheira Bellemere, porém esta foi morta pelo próprio Arlong. Isso fez com que Nami criasse muita raiva por ele, porém ainda precisava juntar dinheiro para pagá-lo.
Quando conhece Luffy, Nami o rouba. Mas ela vê que Luffy não ficou irritado, e que ainda estava disposto a ajudá-la independente de tudo. Foi aí que Nami mudou, chorado ao pedir ajuda a Luffy. Quando Luffy derrota Arlong, Cocoyashi fica livre. E Nami decide se juntar ao bando de Luffy, que até então só sabia se perder no mar.
Nami é uma navegadora, sabe tudo sobre o clima e mapas, inclusive seu maior sonho é desenhar um mapa do mundo todo, visto por seus próprios olhos.
Durante o TimeSkip, ela foi treinada na ilha Weatheria, onde há muitos especialistas em clima. Lá ela aprende a modificar o tempo, podendo gerar tornados, chuvas, entre outras coisas.



Usopp
Quarto a se juntar a Luffy. Usopp perdeu sua mãe ainda pequeno, e seu pai era um pirata, então viveu sua vida sozinho. Para se divertir ele contava mentiras, gritando que piratas estavam atacando. Por isso era sempre odiado pelos habitantes de sua vila, Syrup. A única que gostava dele era a menina Kaya, que adorava ouvir as histórias de Usopp. Eram histórias mentirosas, sobre feitos fantásticos que Usopp dizia ter realizado.
Quando o bando de Luffy chega a Syrup, Usopp os ajuda a derrotar o Capitão Kuro, que tentava se apossar a fortuna de Kaya. A partir daí Usopp se junta a Luffy. Em certo período da história Luffy e Usopp brigam de verdade, e Usopp acaba saindo o bando. Porém ele volta vestido como um super-herói que ele criou, Sogeking. Mas Luffy e Usopp acabam fazendo as pazes e voltando a ser amigos.
Usopp é o mais medroso do bando. Ele possui grande habilidade como atirador, usando somente estilingues e munição especial, que ele mesmo faz. Aliás, ele também é um grande construtor. Fazia concertos no navio, até a chegada de Franky.



Sanji
Quinto a entrar para o bando de Luffy. Sanji é um cozinheiro e trabalhava no restaurante-navio Baratie. Quando o restaurante foi invadido pelos piratas de Krieg, Sanji se juntou ao bando de Luffy para enfrentá-los. No fim, Luffy chamou Sanji para entrar definitivamente no seu bando, já que precisavam de um bom cozinheiro. No início, Sanji recusou, mas depois aceitou.
Ele havia recusado graças a uma dívida que tinha com o dono do restaurante, Zeff. No passado, Zeff salvou Sanji de um naufrágio e sacrificou sua própria perna para isso.
Sanji é um grande galanteador, sempre tentando paquerar qualquer mulher que aparece. Sempre está fazendo petiscos ou comidas especiais para as mulheres do navio, enquanto faz coisas simples para os homens.
Como cozinheiro, Sanji considera suas mãos muito preciosas. Devido a isso ele sempre luta com as pernas. Desenvolveu até um próprio estilo, e uma técnica que faz sua perna entrar em chamas para potencializar seus ataques.
Durante o TimeSkip, Sanji foi enviado a Kamabakka, ilha dos Okamas (homossexuais). Lá ele passou os dois anos correndo dos okamas. Graças a isso, quando voltou, não podia ver uma mulher sem ter o seu característico "sangramento nasal".



Tony Tony Chopper
Sexto a se juntar a Luffy. Chopper é uma rena que comeu a Hito Hito no Mi, a fruta do humano. Por isso ele é meio rena, meio humano. Vivia na Ilha de Drum. Quando jovem ele foi abandonado por sua família, por ser diferente dos demais (ele tinha o nariz azul). Então ele foi adotado pelo médico Dr. Hiluluk, que cuidou dele como se fosse seu filho. Quando Hiluluk morreu, Chopper ficou sozinho no mundo novamente.
Chopper viveu sua vida sob o lema de Hiluluk: "As pessoas só morrem quando são esquecidas". Por isso ele fez de tudo para defender o castelo de seu "pai", da invasão do pirata Wapol. Apanhou muito por isso, mas quando Luffy o ajudou, conseguiram vencer. Após isso Chopper foi convidado por Luffy a se juntar a sua tripulação.
Chopper aprendeu medicina com Hiluluk, e se tornou o médico do bando de Luffy. Sempre muito atencioso, preocupado com o bem-estar de todos. Ele é muito inocente, acreditando em quase todo mundo. Porém possui uma forte determinação. Seu sonho é poder curar todas as doenças do mundo, para que ninguém mais morra.
Ele sozinho desenvolveu pílulas especiais, as Rumble Ball, que aumentam seus poderes, variando mais as sua transformações. Ele pode assumir uma forma humana (embora pareça mais um gorila), uma forma completa de rena, uma forma mista, uma forma com chifres maiores, e até uma forma gigante monstruosa, entre outras.



Nico Robin
Sétima a se juntar a Luffy. Robin cresceu como uma mercenária, após perder tudo no grande massacre em sua ilha-natal, Ohara. Quando criança Robin sofria com o preconceito de todos, por possuir uma akuma no mi, a Hana Hana no Mi, que lhe permite criar partes de seu corpo em outros lugares. Somente quem a aceitava era o grupo de arqueólogos de Ohara, que trabalhavam duro para descobrir a verdade sobre o Século Perdido. Logo Robin ganhou gosto pela arqueologia e história e começou a estudar. Porém, após o massacre, sua mãe morreu, mas ela foi salva pelo gigante Saul, que também se sacrificou.
A partir daí Robin achava que seria sozinha para vida toda, embora sempre se lembra-se do que Saul lhe dissera, que um dia iria encontrar amigos de verdade. Sua vida criminosa e o fato de ter escapado de Ohara lhe fizeram adquirir fama. Até que ela se juntar a organização criminosa Baroque Works. Quando a organização tenta tomar Alabasta, bate de frente com Luffy, e são derrotados. Robin invade o navio de Luffy e "decide que vai se juntar a eles". O seu poder cativa Luffy, que a aceita, embora deixe os outros assustados.
Robin queria apenas usar Luffy e seu bando, mas quando ela se entrega ao Governo Mundial e Luffy vai atrás para salvá-la, ela percebe que eles são realmente seus amigos. A partir daí Robin torna-se mais amiga de todos.
Ela é muito inteligente, está constantemente lendo, além de possuir a habilidade de ler os Poneglyphs (pedras que contém a história do Século Perdido). O maior sonho de Robin é encontrar todos os Poneglyphs, para descobrir a verdadeira história do Século Perdido.
Durante o TimeSkip ela conhece o grupo Revolucionários, liderados pelo pai de Luffy.



Franky
Oitavo a se juntar a Luffy. Franky era dono de um desmanche de navios em Water 7. Quando criança ele foi aprendiz do lendário carpinteiro e construtor Tom (que construiu o navio do Rei dos Piratas Roger). Quando Tom é acusado de ajudar Roger, pelo Governo Mundial, ele é levado para a execução. Franky tenta impedir o trem que o levava e acaba atropelado. Para se salvar ele mesmo implanta partes robóticas em si, tornando-se um ciborgue.
Com a morte de Tom, Franky fica desolado e acaba criando problemas para todos, ficando isolado na ilha com um grupo de amigos, a Franky Family. 
Quando encontra a tripulação de Luffy, Franky rouba suas malas de dinheiro que eram destinadas a compra de um novo navio. A partir daí todos começam a caçá-lo. Porém é quando Robin é levada pelo Governo Mundial, e Franky acaba entrando no meio.
Franky vê a determinação de Luffy e logo se lembra de Roger. Então ele percebe que ali estava a sua chance de realizar seu sonho. Então Franky usa os materiais que havia comprado com o dinheiro roubado e, com a ajuda de seus velhos amigos (com quem fizera as pazes), constrói o Thousand Sunny. Enquanto iam partir, Luffy convoca Franky para entrar em sua tripulação, e ele aceita.
Franky é o carpinteiro do navio, sempre concertando-o. Como ciborgue ele é cheio de armas secretas. É alimentando por refrigerante de cola. Seu maior sonho é construir o navio que se levará o próximo Rei dos Piratas, que ele crê ser Luffy.
Durante o TimeSkip, Franky vai parar na antiga ilha onde fica o laboratório abandonado do cientista da Marinha, Vegapunk, onde aperfeiçoa suas armas e aprende novas técnicas de construção e tecnologia.


Brook
Nono a se juntar a Luffy. No passado Brook pertencia a um bando de piratas músicos. Ele conhece um filhote de baleia, chamado Laboon, com quem desenvolve grande amizade. Porém, durante certo ponto da jornada do bando, Laboon não poderia acompanhá-los. Brook então promete que voltaria um dia para vê-la novamente. Mas uma doença terrível afeta toda a tripulação e Brook morre. Enquanto vivo, Brook havia comido uma akuma no mi, porém seu poder não havia se manifestado. E é só quando ele morre que percebe o seu poder. Brook renasce.
Mas sua alma havia demorado para achar o corpo, e então Brook renasce como um esqueleto. Ele passa cinquenta anos sozinho, a deriva em seu navio. Até que encontra Luffy, que, encantando ao ver um esqueleto vivo, não demora e faz logo duas perguntas "Você caga?" e "Quer se juntar a minha tripulação?", sem ao menos conhecê-lo. Brook aceita.
Ele é o músico da tribulação, além de também ser um espadachim. Durante o TimeSkip ele aprende a liberar sua alma do corpo, e descobre as habilidades de sua espada, que pode congelar tudo que corta.


Going Merry
Primeiro navio do bando de Luffy. Ele foi um presente de Kaya, após eles a salvarem de Kuro. Foi construído pelo mordomo de Kaya, Merry.
O Going Merry passou por diversas aventuras, resistindo a diversos problemas mesmo sendo pequeno, e é considerado até um ser vivo. Quando Luffy e seus amigos ficaram encurralados por centenas de navios da Marinha, após salvarem Robin, o Merry surgiu, navegando sozinho, para salvá-los. Ele conseguiu, mas "morreu" ao ser atingido várias vezes. Durante o seu funeral, enquanto afundava e queimava, ele se comunicou com seus amigos, agradecendo a amizade e pedindo desculpas por não levá-los mais longe, e lamentando não poder viver mais aventuras com eles. Foi uma das cenas mais emocionantes da história.



Thousand Sunny
Segundo navio do bando de Luffy. Foi construído por Franky, após a "morte" do Going Merry, usando a raríssima madeira da árvore Adam (a mesma usada no navio do Rei dos Piratas Roger). Franky colocou em Sunny vários equipamentos, como armas e apetrechos de fuga. Possui vários cômodos, como quartos, biblioteca, cozinha e até um aquário, além das laranjeiras que Nami tirou em Cocoyashi (que também estavam no Merry), os jardins de Robin e as plantas de Usopp.
Possui também docas especiais, que funcionam como garagem para veículos como um submarino, um barco de exploração, um canhão e outras coisas.




Fim da Parte 1.

Até a próxima postagem!

quinta-feira, 12 de setembro de 2013

Lista de jutsus de Naruto - Parte 20: Ninjutsus (III)

Hora de falar sobre ninjutsus de personagens da Vila da Areia.

Vamos a lista:

Daisan no Me
Este jutsu cria um olho feito de areia, porém com a capacidade de captar imagens a longa distância e depois transmiti-las para o usuário.
Usuário: Gaara



Suna Bunshin no Jutsu
Jutsu que cria um clone do usuário feito de areia.
Usuário: Gaara



Suna no Yoroi
Jutsu que cria uma camada resistente de areia em torno do inimigo, como uma armadura.
Usuário: Gaara



Suna Shuriken
Jutsu que cria shurikens feitas de areia.
Usuário: Gaara



Suna no Tate
É chamado inclusive de "defesa absoluta". A areia de Gaara se move por vontade própria, defendendo seu dono de qualquer ataque, mesmo que ele própria não o perceba.
Usuário: Gaara



Sabaku Kyuu
É um jutsu em que o usuário faz a areia envolver o usuário quase que completamente, deixando o rosto de fora. Pode ser usado só para imobilizar, ou para uma finalização.
Usuário: Gaara



Sabaku Sousou
É a finalização do Sabaku Kyuu, em que Gaara faz a areia esmagar o aprisionado até que ele exploda em pedaços.
Usuário: Gaara



Sabaku Taisou
Versão ampliada do Sabaku Sousou, em que o usuário cobre uma grande área com areia e depois executa quem estiver nela.
Usuário: Gaara



Sabaku Fuyu
Este jutsu cria uma plataforma de areia que pode flutuar, abrigando o usuário de ataques que venham do solo.
Usuário: Gaara



Gousabakan
Gaara coloca as mãos no chão e transforma o terreno em uma poça de areia movediça, que engole o adversário lentamente.
Usuário: Gaara



Saikou Zettai Hougeki: Shukaku no Houkou
Este jutsu cria uma lança enorme feita de areia que se move sozinha para atacar o inimigo.
Usuário: Gaara



Saikou Zettai Bogyo: Shukaku no Tate
Jutsu que cria um imenso boneco de areia que funciona como escudo.
Usuário: Gaara



Ryuusa Bakuryu
Jutsu que cria uma enorme onda de areia que se comporta como se fosse água.
Usuário: Gaara



Kuusabouheki
Cria um escudo de areia gigantesco, capaz de proteger parte da Aldeia da Areia da bomba de Deidara.
Usuário: Gaara



Sabaku Rou
Jutsu que cria uma mão gigante de areia, semelhante a do Shukaku, para agarrar o inimigo.
Usuário: Gaara



Suna Shigure
Este jutsu cria uma nuvem de areia sobre o adversário, e depois ela começa a cair sob a forma de uma chuva de agulhas.
Usuário: Gaara



Rendan: Suna Shigure
Jutsu que ataca o adversário com disparos de bolas de areia em alta velocidade.
Usuário: Gaara



Sabaku Soutaisou
Jutsu que forma uma pirâmide, após cobrir o usuário com toneladas de areia.
Usuário: Gaara


Kishou Tensei
É uma técnica proibida. Com ela o usuário dá a sua vida em troca da de outra pessoa. Ou seja, ela ressuscita alguém que morreu há pouco tempo, mas morre logo após.
Usuário: Chiyo



Kikou Junbu
O usuário canalisa seu chakra através de uma marionete que desmonta seu braço a fim de criar um escudo.
Usuários: Chiyo, Kankuro



Senju Soubu
Técnica que faz surgir da mão do usuário cem braços de marionetes.
Usuário: Sasori



Soushujin
Jutsu em que o usuário pode manipular kunais e shurikens sem necessitade de tocá-las.
Usuários: Chiyo, Yashamaru



Sennou Sousa no Jutsu
Este jutsu permite ao usuário apagar a mente de outra pessoa, até que alguém cancele o jutsu.
Usuário: Sasori



Se eu esqueci algum podem me falar!

Até a próxima postagem!