;

domingo, 17 de fevereiro de 2013

Vocês já leram o Cross Epoch?

Poucas pessoas conhecem esta maravilhosa obra!

O Cross Epoch é, nada mais nada menos, que uma parceira entre Akira Toriyama e Eiichiro Oda!
Akira Toriyama usou sua história mais famosa, Dragon Ball, e misturou com a história de Eiichiro Oda, One Piece! Os dois se transformaram em um one-shot (capítulo único) muito divertido lançado em 2006.

Oda desde criança era fã de Toiryama. E quem não foi? Os grandes mestres do mangá de hoje em dia já disseram que tem como inspiração o criador de Dragon Ball, entre eles Masashi Kishimoto (criador de Naruto) e Tite Kubo (criador de Bleach).

Voltando ao one-shot, Cross Epoch foi desenhado pelos dois gênios, por isso vemos variações nos traços, mas isso não estragou nada.


A história é assim:

Os personagens das duas séries estão misturados e parecem se conhecerem, porém divididos em lugares diferentes.
Kuririn e Chopper são dois maquinistas que conduzem um trem que anda em trilhos sobre a água. Eles aceleram o trem pois tem um lugar para ir.
Bulma e Nami são duas ladras do espaço, e estão roubando uma base espacial. Então elas fogem em uma nave e partem em direção a Terra para um compromisso.
Mestre Kame e Sanji são dois policiais (bem parecidos com aqueles xerifes do velho-oeste), que ignoram o chamado de ajuda contra as ladras do espaço para irem a um lugar onde haverá garotas bonitas.
Vegeta, Robin, Trunks e Usopp são piratas que andam em um navio voador. Vegeta é o capitão e está em dúvida sobre onde ir. Trunks sugere um compromisso com o Dr. Gero, mas Vegeta aceita o que Usopp sugere, um outro compromisso.
Piccolo e Zoro são dois espadachins que estão perdidos em uma terra gélida. Eles resolvem roubar um trem, que é justamente o que Kuririn e Chopper pilotavam. Eles se reconhecem e Piccolo pede passagens, mas Chopper grita para eles não disfaçarem, pois antes queriam roubar o trem.
Goku e Luffy se encontram na saída de uma floresta. Goku estava voando e Luffy corria enquanto comia e disse que estava se aventurado e acabou esquecendo o compromisso. Goku empresta a Luffy sua nuvem, e os dois partem voando para seu compromisso.
Então vemos Pilaf e Buggy a bordo de uma imensa nave voadora com formato de baiacu chamada Tettiri 55. Eles se anunciam Grupo Pila-Buggy. Eles tentam impedir Goku e Luffy, mas os dois usam uma técnica em conjunto "Gomu Gomu no Bazu-Ha!" e destroem a nave. Então revelam que a nave de baiacu é na verdade uma bola de papel machê que cobria uma outra pequena nave, fazendo-a então parecer maior. E Pilaf e Buggy fogem nesta pequena nave, mas Bulma e Nami acertam eles, depois Vegeta dispara um ataque de Ki. A nave iria cair sobre o trem, mas Piccolo e Zoro atacam com suas espadas e a nave volta a voar, mas cai no deserto. Mestre Kame diz que parece ser um acidente, mas Sanji pergunta "Acidente ou garotas bonitas?", e Kame concorda em deixarem o acidente para lá.
E no fim vemos o que era o compromisso: uma festa enorme realizada por Shenlong. Mr Satan tinha reunido as esferas do dragão e desejado ser rei, e então Shenlong resolveu dar uma festa para todos. Goku e Luffy são os últimos a chegarem e vão logo atacando a comida. Shenlong diz "Amigos, obrigado por virem!"


Eu gostei muito do Cross Epoch, e queria que houvesse mais do tipo! É interessante que os personagens já se conheciam. Foi incrível o encontro entre Goku e Luffy. As duplas combinavam bem: Goku e Luffy (dois idiotas engraçados), Bulma e Nami (garotas fortes e perigosas), Kuririn e Chopper (dois pequenos inocentes e abobados), Piccolo e Vegeta (dois sérios e sem senso de direção), e por aí vai.

Queria que houvesse uma mistura entre Dragon Ball, One Piece e Naruto, seria muito bom!

Até a próxima postagem!


Nenhum comentário:

Postar um comentário